EM AUDIÊNCIA COM FERNANDO SUARTE, SINDIFISCAL REITERA COBRANÇAS POR ATENDIMENTO ÀS DEMANDAS DO FISCO

14/05/2017 07/12/2020 17:22 680 visualizações

Na última sexta-feira,12, a diretoria do Sindifiscal reuniu-se com o subsecretário da administração, Fernando Suarte. O pedido dos sindicalistas foi por celeridade na execução do entendimento favorável à categoria, firmado entre Secad, Sefaz e sindicato no que se refere a implementação da tabela da Lei 3174, inclusive diante de concessão de liminar à categoria, que resultou de Mandado de Segurança impetrado pelo Sindifiscal.

“A negociação administrativa já foi feita, embora ainda não tenha sido implementada”, salientou o presidente Carlos Campos.


Suarte foi ouvinte atento à contextualização da diretoria sobre o impasse e fez o compromisso de unir-se ao secretário Geferson Barros em sua resolução. Uma nova reunião na Secad acontecerá no início da próxima semana.

Progressões

A diretoria cobrou a efetividade da progressão atrasada de sete auditores, que apesar de atenderem aos requisitos legais, ainda não tiveram o direito implementado. A reivindicação é por celeridade no processo, que tramita na Secad, e depende apenas de alguns procedimentos burocráticos para ir à publicação. Os sindicalistas, mais uma vez , também exigiram que a progressão geral à toda a categoria seja implementada ainda este mês, conforme previsto pelo Plano de Cargos Carreiras e Remuneração do Fisco. Maio é o mês de implementação e até esse momento ainda não foram tomadas as medidas necessárias para que o pagamento seja efetivado.

Data-base 2017

Durante a audiência, a diretoria cobrou também sobre o pagamento da data-base 2017 solicitando que os procedimentos nesse sentido sejam executados.